sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

Pior passagem de ano de sempre

Sem a menor das dúvidas que foi a pior passagem de ano de sempre!!!
Bem, foi assim... O A. foi-me buscar a casa eram umas 23h e o meu pai deixou-me sair com a condição de estar em casa á meia-noite para passar aquele bocadinho com a minha família. Então fomos para o centro (lá na terra do meu avô), entretanto da parte da tarde um rapaz lá da terra tinha metido conversa comigo, basicamente queria-me comer, e epah o A. disse para eu alinhar e eu alinhei (no gozo como é obv), depois á noite fui ter com ele á cabana (um telheiro que há lá num parque, nós chamamos aquilo de cabana) e o A. foi atrás de mim (escondido). Deixei-me levar um pouco (não fizemos nada né...) e de um momento para o outro afastei-o e disse que estava a gozar, acabámos por ficar lá meia hora na conversa, expliquei-lhe que nunca me iria envolver com um rapaz assim de um momento para o outro e tal, pronto dei-lhe a conhecer um pouco de mim, do tipo, eu não sou dessas "gajas" que se metem com um "gajo" num minuto. Ele acabou por dizer que eu tinha razão em dizer que aquilo ia ser só de uma noite (ao menos foi sincero), mas ao mesmo tempo ia tentando dar-me a volta e eu continuei sem alinhar (óbvio), no fim disto tudo eu bazei, estava a ir para o centro quando começaram os foguetes, desatei a correr para casa com um frio de gelar (passei os últimos 10s de 2014 na estrada).
Quando cheguei (passavam 10 min) o meu pai estava passado, ainda lhe tentei explicar que me tinha distraído e que não tinha dado pelas horas (o que não é mentira) mas ainda foi pior, acabei por passar o resto da noite enfiada no quarto com a minha pirralha, porque a miúda foi uma querida e não me quis deixar sozinha (porque eu também fazia parte da família e não podia estar ali a chorar).
E, pronto foi isto que aconteceu, sinceramente acho que o meu pai exagerou, mas whatever, acabei mal 2014 e comecei mal 2015, mas talvez me corra bem o ano.

Feliz Ano Novo para todos! :)

Sem comentários:

Enviar um comentário