domingo, 22 de maio de 2016

Somos o que Somos


Muitas vezes perguntamos-nos o que podemos fazer para agradar aos outros, eis uma resposta bem simples: NADA!
Nada do que tu faças vai ser suficientemente bom para que toda a gente fique contente. Nada do que faças é suficientemente grande para que consigas atingir todas as expectativas que tens ao teu redor. Todos esperam tudo de ti, mas ninguém é capaz de parar um minuto e perguntar se precisas de ajuda para que consigas agradar a meio mundo.
Podes ser a melhor pessoa do mundo e ninguém te vai notar. Fazes tudo para agradar e verás que serás apenas mais uma pessoa no mundo. Agora... Experimenta expressar-te, tentar dar uma opinião diferente, cometer um mínimo erro que seja e verás que já serás considerada a pior pessoa à face da Terra! Não adianta de nada fingires ser outra pessoa quando, no fim, se mostras algo que não esteja de acordo com os padrões da sociedade, vais acabar por ser "a má da fita".
Sê tu própria, não representes a vida como se vivesses em cima de um palco só com o mero objetivo de agradar quem te rodeia. Faças o que fizeres vão sempre criticar. Por isso, vive a tua vida e ignora as críticas, quando estas são feitas com o mero interesse de te inferiorizar ou de te prejudicar.
Somos o que somos e nunca seremos capazes de agradar a meio mundo. Mas... Para quê agradar a meio mundo? Para quê fingir ser quem somos para depois não sermos felizes no interior? Não te serve de nada agradar a meio mundo se  quando caíres ou quando precisares não vais ter ninguém que se preocupe verdadeiramente contigo.
A sociedades é feita de padrões estabelecidos que querem que todos cumpramos. Mas, esquecem-se que é exatamente por sermos o que somos, que é por quebrarmos esses mesmos padrões, que o mundo poderá evoluir e chegar a algum lado!

Sem comentários:

Enviar um comentário